sábado, 31 de maio de 2014

Passagem

Olá pessoas!

De volta, o blog precisa de muitos retoques mas estou tendo muitas limitações. Sem acesso a internet, sem tempo para ir a cidade e sem dinheiro as coisas ficam muito complicadas. Mas nada disso muda minha vontade de melhorar isto daqui.

Depois da morte do meu pai, muita coisa aconteceu e aconteceu mais internamente em mim que exteriormente. Minha visão para muitas situações foi deixada para trás e adquiri novos conceitos.
Tive que deixar de confiar em pessoas que acreditei que me apoiavam e descobri quem realmente se importava comigo. 
Também aprendi a distinguir amizades por consideração de amizades por conveniência. 
Entrando neste assunto, percebi que '' amigos '' são muito mais que uma aglomeração de pessoas que convivem com a gente, muitas das vezes é superficial e sempre por trás terá uma cobrança, como se um favor dado precisasse ser devolvido. Enfim... a gente se engana, e as pessoas se enganam com a gente.

Como foram muitos acontecimentos ruins em curto espaço de tempo, reagi de forma que se eu me desesperasse de fato, ficaria a mercê das opiniões alheias. Tive que confiar nos planos que fiz, mesmo muitos deles não tendo saído da forma que eu gostaria,mas imagine se eu me desesperasse se meu pai morresse no meu aniversário, meu seguro desemprego não ter saído e o motor do meu carro pifasse de vez sendo que eu não tinha condições alguma de reverter essas situações!
Sinceramente não acredito que outra pessoa reagiria como eu reagi, não acredito que as pessoas sentem as mesmas coisas quando situações semelhante lhes acontece. Cada um é cada um.
Também vou ser franca que minha família não é igual a da novela das 21, não existe dialogo e minha mãe pouco se importa se eu estou ou estivesse triste por tudo ter dado errado. O fato é que eu só ouvi cobranças, dela, de quem convive com ela, de quem me conhece e até de quem não me conhece.
Reconheço que eu dei muita liberdade a muitos que não significam nada para mim, mas eu gosto de opiniões diferentes, ouvi-las não me fará mudar o que escolhi porém algumas criticas passaram dos limites. Tampar os ouvidos? Talvez, mas ignorar é sempre o melhor remédio.

Estou contendo um resumo do que sinto e do está ao meu redor, você leitor, pode não ter me conhecido e talvez nem se interessará de ler tudo que escrevi, mas é a forma que uso para '' conversar com alguém ''.

Comecei a gravar um vídeo por mês, para contar o meu progresso, porque disse em outubro do ano passado que algo iria acontecer no final do ano que mudaria a minha vida e aconteceu ...
Agora com planos feitos, mesmo que demorando, cada passo que faço é registrado e essa foi a forma que criei para lembrar de como foi meu ano de mudanças. Fiquei até impressionada que algumas pessoas conhecidas viram meus vídeos, realmente não esperava que assistissem.
Muito obrigada pelos que estão acompanhando, eu reconheço que alguns querem minha vitória.

Deixei dois vídeos em posts anteriores, agora os que não publiquei aqui.

:)




Em breve postarei no meu canal o vídeo do mês de maio, aguardo vocês lá.

See you later \o_

Nenhum comentário:

Postar um comentário