quarta-feira, 24 de setembro de 2014

2014 Não Ame Por Egoísmo

Quem sabe este seja meu retorno?! Ou talvez não ...
Escrevi este texto ontem a caminho do curso da qual iniciei dia 7 de janeiro de 2014 e, geralmente escrevo em sobras de folhas dos meus cadernos velhos quando estou angustiada. E com tudo que me aconteceu de ruim neste final de 2013, decidi ser mais condizente com o que sinto e penso.
A vida é curta demais.
As vezes seguramos frases por medo de ferir os outros, mas acabamos por nos machucar. E as vezes, machucamos os outros por falar o que não mereciam ouvir.
Atenção, reflexão e compaixão antes de dizer algo é fundamental mas isto, é o meu aprendizado sobre a vida, e cada pessoa tem seu tempo de aprender com ela, qual forma é a melhor para expor seus sentimentos.


Decidi iniciar o ano escrevendo sobre o amor.

15 de janeiro de 2014.


Existem vários tipos de egoísmos. Mas tenho passado por um em especial.
O egoismo de sentimentos.
As vezes, as pessoas confundem o que sente. Pode ser carência, ou não.
Amor, penso eu, é algo muito especial, muito forte, algo que ainda não senti.
E dificilmente eu conseguiria expressa-lo de forma correta caso sentisse que estou afetada por ele.
O amor egoísta consome a mente daquele que o sente.
Seus pensamentos são de posse. Imagino que seja uma doença psíquica grave!

Quando sentimos algo especial por alguém, queremos de alguma forma dizer isso a ela e principalmente fazê-la sentir se bem com tudo que temos a oferecer. No caso, oferecemos o que de melhor o amor vai nos tornando. 
Porém, quando estamos doentes, não olhamos apenas o que sentimos, e fixamos na ideia de que o amor DEVE ser correspondido. Acredite, NÃO, o amor não precisa ser correspondido para ser sentido.
Pode parecer estranho, mas é verdade.
O amor é sublime.
As vezes precisamos abdicar daquilo que sentimos por amor. Principalmente quando não somos correspondidos.
 E amar, é querer o bem daquela pessoa.
Amar é gratuito. Não exige nota fiscal que comprove que recebemos. Se sentimos e doamos isto, ok. Já demos um grande passo, mas erram, aqueles que creem que amar é um dever de ambos.
Amar é doação.
Doar nem sempre tem como retorno o mesmo que se ganha. Por isso, nem sempre amamos para sermos amados.
Amamos para fazer o outro se sentir bem.
Amamos porque amamos apenas e simplesmente isto.

 Eu sei que você sabe quando não entra em sintonia com o outro o seu amor. E você sabe muito mais que qualquer um quando isto é evidente.
Se você ama alguém que não te ama, deixo-o ir.
Ele será feliz, e este não é o real sentido do amor? Querer a felicidade de quem se ama?
Você por ama-lo verdadeiramente, se sentirá feliz também.
Porque o amor é querer o bem de quem você quer bem. 

Não ame por egoismo. 





Gostaria que você visualizasse meu outro blog e me dissesse se está visualizando as imagens.
Avise-me por comentários, email ou pelas redes sociais.
Thank's

6 comentários:

  1. as pessoas, pelo uso tao banalizado da palavra 'amor' em verdade nao sabem o que realmente sentem. ouvimos essa palavra em cançoes, filmes, livros, novelas, mas sabemos verdadeiramente o que significa? me parece que 99% das pessoas desconhecem o sentido. ao 'consumir a mente daquele que o sente', ai ja nao se tem amor, e sim uma obsessao que cruzou o limite do patologico, e a pessoa deve procurar a ajuda de um psicologo ou psicanalista. quando esse amor vai para uma direçao doentia, e certo que a pessoa que e sujeito desse sentimento sera submetida ao que de pior possa lhe acontecer, ja que 'quem ama' nao se encontra no estado saudavel de suas faculdades mentais.

    ResponderExcluir
  2. na era do egoismo, do egocentrismo e do individualismo, o amor altruista, que nao impoe correspondencia para continuar existindo, e visto como fraqueza ou perda de tempo, afinal, o ato de amar foi nos 'vendido' como algo tao lindo, praticamente o supra-sumo da existencia humana; em vista disso, as pessoas pensam que o corresponder no amar deva ser obrigatorio, e todo aquele que 'nao corresponde', e tido como 'egoista' ou 'individualista'. amar sempre sera, da nossa parte, um sentir egoista, enquanto formos INDIVIDUO: ALGUEM INDIVISO, que apenas quer ser amado, mas que nao retribui na mesma medida. e o que nao sao os seres humanos na atualidade senao individuos, seres que apenas querem tirar dos outros e da sociedade e nada mais?

    ResponderExcluir
  3. esse fim de semana mesmo aqui no Rio Grande do Sul um homem de 43 anos tentou assassinar com uma faca a esposa de 31 anos, na beira de uma estrada. a sorte dela foi que o pessoal de um carro que passava tentou ajudar, filmaram tudo e chamaram a Polícia Rodoviária Federal, que levou o homem em cana. O casal tinha passado a noite em um motel, onde consumiram bebida alcoólica e cocaína, e foi quando começou o desentendimento que levou aos atos na rodovia. Aliás, eles são casados há 12 anos e já tem um histórico de brigas e agressões, sendo que a mulher registrou 2 ocorrências contra o cara com base na Lei Maria da Penha. Um exemplo triste de uma situação patológica, pois não há amor real sendo sentido e expressado por ambos, e menos mal que não descambou em homicídio!

    ResponderExcluir
  4. O amor altruista apenas pode ser sentido e praticado por PESSOAS, SERES CAPAZES DE DAR, RECEBER E RETRIBUIR, que nao se colocam como 'proprietarios' da pessoa a quem amam, sem que o 'retorno' seja uma obrigaçao por parte do outro, capazes de entender que muitas vezes o amor é um sentimento que se manifesta de mais que uma maneira. E amor nao significa sexo como contrapartida, um conceito erroneo (SENAO UMA ARMADILHA) que foi nos colocado goela abaixo (EM NOME DE CERTOS INTERESSES) pela propaganda e pela midia nos ultimos 50 anos, posto que nao poucas vezes a 'busca de amor' nada mais e que uma procura camulflada por prazer sexual e nada mais. enfim, para amar de maneira sadia, os seres humanos precisariam compreender o que e o amor (e o sexo, tambem), algo a que se negam pelo medo de ficar e se sentirem solitarios, prisioneiros que sao de um modelo de sentir EQUIVOCADO, que nao lhes da outras opçoes.

    ResponderExcluir
  5. está dando sim pra ver as imagens no outro blog

    ResponderExcluir
  6. tá dando pra ver as imagens no outro blog

    ResponderExcluir